Prótese de silicone: o guia completo para você que está pensando em turbinar os seios

Prótese de Silicone
Início » Cirurgia Plástica » Prótese de Silicone

Você já se sentiu insegura em relação ao formato dos seus seios? Já pensou em colocar uma prótese de silicone?

É, quem não sonha em ter seios perfeitos, ainda mais quando realizar este sonho é mais simples e fácil do que muita gente imagina.

Claro que fazer uma cirurgia plástica é um processo e requer alguns cuidados, mas tendo atenção e seguindo as orientações de médicos especialistas, o único arrependimento será de você não ter feito a cirurgia de prótese de silicone em São Paulo antes.

Motivos para colocar uma Prótese de Silicone

 

Hoje em dia, colocar prótese de silicone nos seios é algo extremamente comum e os motivos são muitos. Idade, a própria genética, gravidez e alterações no peso são alguns deles.

Mas o principal é ter seios pequenos ou hipomastia, termo técnico utilizado pelos médicos. Situação que para muitas mulheres é motivo de vergonha ao ir à praia, de usar certas roupas e nos relacionamentos.

Com a cirurgia é possível aumentar o tamanho das mamas, reconstituí-las após a perda total ou parcial e até deixá-las esteticamente proporcionais.

Sim, sofrer com assimetria mamária é algo bem comum entre as mulheres e, mais que causar desconforto na aparência, pode até ocasionar alterações na postura.

Cada mulher é afetada e tem formas diferentes de lidar com isso. Mas uma coisa não há dúvidas, a insatisfação, a tristeza e o incômodo que esta situação causa é comum a todas.

Para algumas pessoas, colocar prótese de silicone na mama é apenas uma questão de estética, mas nós sabemos que é muito mais que isso.

É algo relacionado ao bem estar, à autoestima e merece ser tratado com seriedade e toda responsabilidade.

Por isso, conversamos com um time de cirurgiões plásticos especialistas da Dream Plastic e reunimos ao longo deste artigo tudo sobre prótese de silicone.

Você que está pensando em colocar prótese de silicone em São Paulo vai conhecer um panorama geral de tudo que precisa saber e definir para a sua cirurgia.

Mas antes de começarmos, é importante lembrar que o implante mamário não corrige mamas caídas. Nesses casos, geralmente é necessária uma Mastopexia com Prótese de Silicone, que pode ser realizada em conjunto com este procedimento.

 

Prótese de silicone: decisão importante

 

cirurgia protese silicone

 

É comum escutarmos muitas coisas quando pensamos em uma cirurgia de prótese de silicone. Com Juliana Dias não foi diferente, algumas “amigas” falavam que ficava artificial, deixava os seios com tamanho exagerados, que era algo inacessível…

Mas apesar de todos os empecilhos que algumas pessoas colocavam, quando você realmente sabe que aquilo fará a diferença, você não desiste.

Para quem via de fora, Juliana era apenas uma mulher com peito pequeno. Mas o que as pessoas não percebiam é que aquilo a incomodava profundamente e servia como um limitador em várias situações.

Sabe aquela sensação que nenhuma roupa fica boa em você? Imagina sentir-se assim todas as manhãs? Ser escrava dos sutiãs com bojo e ter vergonha de se trocar na frente de outras pessoas, por exemplo.

Tudo isso sem contar a fase de bullying na escola e os vários apelidos maldosos que ela recebeu no decorrer de cada ano, quando tudo se desenvolvia, menos os seus peitos.

O tempo passou, Juliana conquistou sua independência. E, apesar de não conhecer ninguém que tivesse colocado prótese de silicone nos seios, ela começou as pesquisar na internet.

Leu sobre a importância de ter alguns cuidados básicos, como:

E, com a ficha técnica da cirurgia ela pôde ter uma ideia de que o procedimento era bem mais simples do que imaginava, já que durava cerca de uma hora e poderia ser feita a partir dos 16 anos.

 

protese silicone nos seios

 

Prótese de silicone e a difícil escolha dos tamanhos

 

Hoje em dia muitas mulheres buscam por implantes mamários que remetam um resultado mais natural. Por isso, sempre fica aquele dilema: qual tamanho de prótese de silicone é o melhor?

Sua mãe acha que uma prótese de silicone de 250ml está bom. Sua tia vota no silicone de 300ml.

Você pensava em um silicone 350ml, mas seu namorado disse que um silicone de 400ml seria o mais bonito. E, sempre tem aquela amiga que diz: se é para colocar, então no mínimo 450 ml de silicone. E, agora?

Vale ressaltar que esta não é uma decisão que você toma sozinha, pois é o cirurgião plástico quem irá ajudá-la neste momento.

Ele tem a experiência em fazer esta análise, levando em consideração pontos importantes, como:

  • Expectativa de resultado
  • Altura
  • Tamanho (diâmetro) do seu tórax
  • Estilo de vida, por exemplo, se pratica ou não esportes

Formatos de seios e os tipos de próteses de silicone

 

Quando Juliana começou a pesquisar, os primeiros tópicos eram sobre os tipos de seios. Quem imaginaria que haveria vários, pois para ela eram basicamente dois tipos: grandes ou pequenos.

Na verdade, ela encontrou 7 modelos de seios (Fonte Revista Cosmopolitan):

  • Redondos: são aqueles cheios por completo, em cima e embaixo. É o sonho de toda mulher!
  • Leste-Oeste: relacionado ao mamilo, que neste caso apontará um em cada direção.
  • Espaçados: tem um grande espaço entre cada seio, deixando-os mais esparramados.
  • Gota: segue bem o formato de uma gota, mais fino na parte superior e cheio embaixo.
  • Pêssego: são finos e, normalmente, tem mais comprimento do que largura.
  • Assimétricos: quando uma mama tem tamanho diferente da outra.
  • Sino: são similares ao de formato pêssego, porém mais volumosos e requerem sustentação.

 

Apesar dessas informações, o que Juliana realmente precisava conhecer eram os perfis ou os tipos de prótese de silicone de mama. Essa é a característica que dará forma aos seios e deve ser escolhida levando em consideração o seu biotipo e as suas necessidades. Os formatos são divididos em:

 

  • Perfil baixo: tem uma base mais larga e menor projeção, por isso deixa os seios com pouca evidência.
  • Perfil moderado: é mais baixa e tem a base larga, promovendo um preenchimento moderado do colo mamário.
  • Perfil alto: uma das mais comuns, pois tem o diâmetro menor e projeção maior, concedendo destaque ao colo.
  • Perfil superalto: tem a menor base e a maior projeção, por isso fica bem evidente.
  • Perfil anatômico: tem formato de gota e oferece um aumento da forma e um contorno mais proporcional.

 

Vale lembrar que os perfis baixo e moderado têm pouca procura e são raramente usados.

Já o anatômico tem seu uso mais direcionado às cirurgias de reconstrução pós-câncer.  Os formatos mais indicados para fins estéticos são as de perfis alto e superalto.

Algumas pessoas classificam a prótese de perfil alto como sendo de formato redondo e a superalto como de formato cônico. Mas na verdade esses dois formatos são os mesmos. Há apenas uma segunda opção, que é o formato em gota.

 

Cirurgia de prótese de silicone: por cima ou por baixo?

 

Outra questão que é preciso levar em consideração é a posição que a prótese vai ficar. E, quando você começa pesquisar sobre isso, logo surge uma pergunta básica:

 

 

Silicone: por cima ou por baixo?

 

Nesse tipo de cirurgia plástica, a prótese é colocada em uma bolsa formada no tecido mamário. Mas há diferentes técnicas de implantação, são elas:

 

  • Submuscular: a prótese é colocada entre os músculos mamários e contra a parede do tórax, concedendo uma aparência mais discreta aos seios.
  • Subglandular: a prótese é colocada abaixo das glândulas mamárias e por cima do músculo, deixando o colo bem marcado, o famoso “peito bolota”.
  • Subfascial: a prótese é posicionada em cima dos músculos mamários, mas sob a camada fascial e as glândulas, ou seja, combina as duas técnicas anteriores.

 

O cirurgião plástico especializado irá ajudá-la a tomar esta decisão. Porque depende de como você espera o resultado final, do seu tipo de pele que, por exemplo, se for muito fina não pode ser subglandular, pois pode causar o rippling, que é o enrugamento da pele das mamas. Saiba mais sobre silicone por cima ou por baixo.

 

Clínica de prótese silicone e as marcas mais usadas

 

Ao optar pela cirurgia de prótese de silicone, saber qual marca você irá colocar também é uma parte importante do processo. Mesmo porque, este é um produto que ficará dentro do seu corpo por muito tempo.

Hoje em dia algumas marcas oferecem garantia vitalícia das suas próteses. Independente disso, é fundamental que a escolhida tenha registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A Dream Plastic leva isso tão a sério, que os médicos diretores da clínica visitavam as fábricas de próteses para atestar a qualidade.

E, graças a este padrão rigoroso de qualidade, a clínica baniu as marcas Rofil e a PIP muito antes delas serem suspensas pela Anvisa.

 

 Prótese de silicone nos seios e os tipos de incisão

 

 

Apesar de ser simples e uma das mais realizadas em São Paulo, a cirurgia plástica de prótese silicone requer a análise de vários detalhes.

Mas fique tranquila, não são pontos que você decide sozinha, pois exige conhecimento, técnica e muita experiência médica.  Por exemplo, na forma como será feita a incisão do silicone, que pode ser:

 

  • Inframamária: o tipo mais utilizado é feito a partir de uma pequena incisão na dobra abaixo da mama para a introdução da prótese.
  • Axilar: é inserida na dobra natural da axila, sem cicatriz na mama. Mas requer que a prótese seja direcionada até a área da mama, o que pode aumentar o risco de infecção.
  • Areolar: é feita pela aréola, mas requer um tamanho certo de aréola e pode prejudicar as glândulas mamárias.
  • Umbilical: bem incomum no Brasil, este tipo é usado para colocação de próteses infláveis.

 

No caso de Juliana, que ainda não tinha filhos, mas cogitava isso no futuro, o médico já vetou de cara a incisão areolar, pois existe a possibilidade deste tipo prejudicar as glândulas mamárias e, consequentemente, a amamentação do bebê.

 

Silicone X Amamentação

 

protese silicone seios amamentação

 

Aliás, um ponto que gerava preocupação era se a colocação de prótese de silicone teria alguma influência quando Juliana ficasse grávida. Por isso, na consulta ela já aproveitou para fazer várias perguntas:

  • A prótese de silicone interfere na produção de leite?
  • Afetaria na saída dele?
  • É capaz de alterar o gosto ou a qualidade do leite?

É importante lembrar que silicone é um gel de alta coesividade que não ultrapassa a prótese. Ou seja, não corre o risco de afetar o gosto ou a qualidade do leite.

Além disso, ao escolher um cirurgião plástico especializado, ele saberá exatamente a técnica, o tipo e o tamanho de prótese mais indicado ao seu biotipo. Tudo isso para que você não sofra nenhuma consequência ruim no futuro.

 

Mas afinal, qual a tecnologia das próteses de silicone?

 

Os implantes são formados por conchas de elastômero de silicone, preenchidos com gel de silicone de alta coesividade, que impede seu vazamento caso haja ruptura da prótese.

E, graças aos avanços tecnológicos, as próteses mamárias evoluíram. Seu envelope tem espessura mínima, reduzindo drasticamente a taxa de rejeição, que também é conhecida como contratura capsular.

 

Riscos de colocar silicone nos seios

 

 

Apesar de todas as medidas de segurança, como escolher uma clínica reconhecida e confirmar se o cirurgião plástico é especialista, há algumas questões sobre riscos que geram dúvidas.

 

Por exemplo, sobre rompimento.  Mas em relação a isso você pode ficar tranquila, pois as próteses têm tecnologia que as tornam altamente resistentes e, em caso de ruptura, impede o vazamento do gel. 

Já para evitar o deslocamento da prótese é fundamental seguir as orientações do médico no pós-operatório, como ter cuidado ao realizar até simples movimentos. Além disso, evite levantar os braços acima da cabeça ou carregar peso por pelo menos três semanas. 

A rejeição ou contratura capsular é uma forma do organismo reagir ao detectar algum corpo estranho. Neste caso ele cria uma cápsula em torno da prótese a fim de isolá-la do restante do corpo. Hoje, graças ao revestimento microtexturizado das próteses, é muito raro isso acontecer.

Para garantir a sua segurança é sempre importante seguir as orientações do cirurgião plástico e confirmar se a prótese é liberada e aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Além disso, periodicamente, faça os exames de rotina com seu ginecologista e, qualquer alteração no aspecto das mamas, volte a consultar o seu médico.

 

Tudo sobre prótese de silicone na mama: antes, durante e depois da cirurgia

 

 

Somente quem tem a experiência de mais de 40 mil histórias felizes, de mulheres que realizaram o sonho de fazer uma cirurgia plástica na Dream Plastic é capaz de desenvolver protocolos exclusivos de segurança e disponibilizar uma estrutura completa para oferecer um acompanhamento total a cada paciente, em todas as fases do processo da cirurgia plástica.

 

Pré-operatório para colocar silicone nos seios

 

Depois de passar na consulta pré-operatória com seu cirurgião plástico, entregar os resultados dos exames, passar em consulta com o anestesista e tirar possíveis dúvidas, é hora de marcar a sua cirurgia plástica.

No dia agendado, compareça no hospital com duas horas de antecedência para internação e em jejum de 8 horas. Lembre-se de levar:

  • Roupas leves
  • Documento pessoal com foto
  • Guia de internação
  • Malha cirúrgica

O dia da cirurgia plástica de prótese silicone: o processo e seus cuidados

 

Após sua internação, você deverá aguardar no quarto até que a equipe termine a preparação do centro cirúrgico e a chame para iniciar a cirurgia.

Em seguida, a equipe com o seu cirurgião e anestesista, além de enfermeiro e instrumentador cirúrgico iniciará o procedimento, que leva em torno de uma hora.

No final, você será encaminhada para a sala de recuperação pós-cirúrgica, na qual permanecerá sob supervisão médica mais intensa, por cerca de duas horas.

Depois disso, já em bom estado geral, você é encaminhada para o quarto e ficará lá até receber a alta médica.

 

Pós-operatório da sua cirurgia de prótese de mama

 

Parte fundamental para quem busca ter bons resultados em uma cirurgia de prótese de silicone, o pós-operatório precisa ser seguido a risca.

Esta fase é tão importante, que ao longo dos seus mais de 10 anos de existência, a Dream Plastic desenvolveu protocolos de segurança exclusivos e acompanha de perto suas pacientes.

Tudo isso para que esta recuperação seja mais tranquila e possa proporcionar os melhores resultados.

E, cada detalhe conta. Por isso, as nossas pacientes são orientadas verbalmente e também recebem todas essas informações por escrito.  Além de contarem com um canal exclusivo e direto com as enfermeiras, o Disk Enfermagem Dream Plastic.

atendimento protese seios

 

Entre os cuidados no pós-operatório, estão:

  • Evitar levantar os braços acima da cabeça, fazer esforço e carregar peso por pelo menos três semanas
  • Não dormir de bruços ou de lado por pelo menos 45 dias
  • Usar somente o sutiã cirúrgico até que seu médico libere o uso do modelo comum
  • Não se expor ao sol, pois pode causar inchaço e aparecimento de manchas na região. Aguarde pelo menos seis meses.

 

Antes e depois de colocar a prótese de silicone em São Paulo

 

Quando Juliana começou suas pesquisas, algo que a deixava inquieta era a ansiedade para ver os resultados. Ela queria ver fotos de antes e depois de mulheres que fizeram a cirurgia de prótese de silicone.

E, na internet tem um monte. Principalmente de atrizes, modelos e cantoras famosas. Porém muitas delas optavam por transformar completamente seus traços originais, o que a deixava um pouco assustada.

No dia da sua consulta, além de ver resultados de pacientes do seu próprio cirurgião plástico, Juliana recebeu a indicação de um grupo de pacientes exclusivo da Dream Plastic.

Lá, além de conhecer os resultados de várias mulheres, é possível saber suas opiniões a respeito da clínica e do médico, tirar dúvidas, conversar com essas ex-pacientes, desabafar… É um verdadeiro achado!

 

Se assim como Juliana, você também tem interesse em conhecer um pouco mais sobre as experiências de mulheres que já operaram, venha fazer parte deste grupo exclusivo de pacientes, da Dream Plastic. Basta clicar no botão abaixo:

 

Eu quero participar do grupo de mulheres que já operaram!

Quanto custa a colocação de uma prótese de silicone?

 

 

Você pode procurar, mas dificilmente encontrará uma Clínica Especializada em Cirurgia Plástica em São Paulo com pacientes mais satisfeitas que a Dream Plastic.

Isto porque ela nasceu com um propósito maior, pois acredita que toda mulher merece se sentir linda e para isso oferece um padrão de cirurgia plástica internacional, mas por um preço acessível.

O preço exato para a colocação de uma prótese de silicone varia, porque depende de uma série de itens. Além disso, esta informação só pode ser passada após avaliação presencial, pois somente nesta consulta o cirurgião plástico é capaz de determinar como será realizado o procedimento e, portanto, o valor a ser cobrado.

 

Não perca mais tempo, entre em contato e agende sua consulta, além de saber informações personalizadas, aqui você tem a garantia de ser atendida por um cirurgião plástico especializado:

 

consulta prótese seios silicone 

 

Gostou desse artigo sobre Prótese de silicone?  Que tal ajudar mais pessoas com este conteúdo, clique no link e ajude a divulgá-lo. 

Compartilhe no Facebook

 

 

Informações adicionais
Prótese de silicone: o guia completo para você que está pensando em turbinar os seios
Nome do artigo
Prótese de silicone: o guia completo para você que está pensando em turbinar os seios
Descrição
Protese de silicone: conheça tudo o que é preciso para dar aquela turbinada nos seus seios sem abrir mão da segurança e da qualidade que a sua vida merece!
Publicado por
Empresa
Plástica do Sonho
Prótese de Silicone
4.87 (97.47%) 87 votes

Prótese de Silicone


Regulamentação e Parcerias


Responsável Técnico: Dr. Flávio Garcia, CRM-SP 104.850
Rua Vergueiro, 2949 – 14º andar – Vila Mariana

Dream Plastic® 2017 – Todos os direitos reservados – Clínica de Cirurgia Plástica em São Paulo
Ligue Chat Blog