Anestesia em cirurgia plástica: conheça os tipos, a função do anestesista e a importância da avaliação pré-anestésica!

anestesia geral para cirurgia plastica 1

 

Você já sentiu medo ao pensar sobre a anestesia da cirurgia plástica? Fica se remoendo com a possibilidade de acordar no meio do procedimento, ou pior, não acordar?

 

Respire fundo e tenha calma, você não precisa mais ficar se torturando dessa maneira.

 

Nós iremos te mostrar tudo o que é importante saber sobre o processo de anestesia em cirurgias plásticas.

 

Grande parte do medo em relação à anestesia é causado pela falta de conhecimento sobre o que vai acontecer no dia do procedimento.

 

Por isso, nossa missão é transmitir essas informações de forma simples e rápida. O resultado é uma mulher mais confiante, segura e tranquila para realizar o seu sonho.

 

Quando pensamos em cirurgia plástica, logo nos vem à mente a imagem do resultado. Mas, mais importante do que isso, é a segurança.

 

Que está intimamente ligada à função do médico anestesista. Quer saber mais?

 

Continue lendo e confira informações selecionadas pela nossa equipe médica especialista!

 

Comece por aqui:

 

 

Quem é o médico anestesista de cirurgia plástica?

 

O anestesiologista é o responsável pela segurança da cirurgia. Além de aplicar medicamentos anestésicos, que vão possibilitar um procedimento sem dor e com bastante conforto à paciente, um profissional experiente em cirurgia plástica sabe exatamente qual é a melhor anestesia para cada procedimento.

 

A equipe de anestesia é responsável por monitorar, controlar e acompanhar a parte fisiológica da paciente, como:

 

  • Frequência cardíaca;
  • Ritmo cardíaco;
  • Pressão arterial;
  • Respiração;
  • Função renal;
  • Temperatura, entre outros.

 

Por isso o médico anestesista é conhecido como o “anjo da guarda” da cirurgia plástica. É ele quem vai permanecer do seu lado, monitorando seus sinais vitais e resolvendo qualquer complicação que possa surgir.

 

Deu pra notar que escolher um anestesista com uma boa formação e experiente em cirurgia plástica, é tão importante quanto as outras escolhas que envolvem a cirurgia?

 

Por exemplo, o cirurgião plástico e o hospital especializado.

 

E tudo isso será impactado pela clínica de cirurgia plástica escolhida, já que é ela quem vai viabilizar o contato entre paciente e hospital, cirurgião e anestesista.

 

Anestesia para Cirurgia Plástica

 

Formação do médico anestesista

 

A sua formação é bem específica e requer muita dedicação e estudos para se tornar um profissional especializado.

O ciclo de estudos inclui:

 

  • 6 anos de formação em Medicina
  • 3 anos de Residência Médica em hospitais de referência

 

Após esses 9 anos o médico já pode ser considerado um especialista em Anestesiologia.

 

Não podemos deixar de ressaltar que, assim como acontece com o cirurgião, o médico anestesista também tem uma instituição para avaliar a profissão. E, nesse caso, é chamada de SBA (Sociedade Brasileira de Anestesistas).

 

Como todo o médico, o anestesista tem CRM. Você pode conferir se o profissional é realmente especialista em anestesiologia pesquisando no site da CREMESP.

 

Vantagens das equipes de anestesistas experientes em Cirurgia Plástica

 

Uma equipe experiente em cirurgia plástica é aquela que tem profissionais que participaram de milhares de procedimentos estéticos ou reparadores e se especializaram na área.

 

Do outro lado está a equipe de anestesistas generalistas, que não focaram em nenhuma área específica, atuando em todas as especialidades.

 

E como eles aplicam anestesias em diferentes tipos de procedimentos, não têm um conhecimento aprofundado em anestesias para cirurgias plásticas.

 

Além disso, o nível de comprometimento desse tipo de profissional é mais baixo. Pois não tiveram nenhum contato prévio com a paciente. E, ao finalizar a cirurgia, encerram sua participação.

 

Diferente das clínicas em São Paulo com equipes próprias de anestesistas, que fazem a avaliação pré-anestésica e acompanham a evolução no pós-operatório.

 

O seu trabalho não acaba com o fim da cirurgia, logo, ele se compromete mais porque sabe que sua responsabilidade continua.

 

Anestesistas focados em plástica X anestesistas generalistas

 

A diferença mais marcante entre essas duas equipes é que um anestesiologista focado em cirurgia plástica sabe, exatamente, qual é o melhor tipo de anestesia para cada procedimento.

 

Seja uma lipoaspiração, uma rinoplastia ou uma mamoplastia de aumento.

 

Ele consegue antecipar os momentos críticos de cada procedimento e as necessidades que ela vai ter em cada etapa.

 

Você conhece a avaliação pré-anestésica? Já ouviu falar nos tipos de anestesias para cirurgia plástica?

 

Conheça cada detalhe abaixo!

 

Já ouviu falar na Avaliação Pré-Anestésica?

 

A Avaliação Pré-Anestésica (APA) é uma consulta obrigatória que deve ocorrer antes da cirurgia. A paciente deve exigir e agendar, mesmo que já tenha passado por uma consulta com um cirurgião plástico.

 

Aprovada em 2006, a APA deve ser realizada alguns dias antes da data do procedimento cirúrgico.

 

Na consulta, o médico vai avaliar:

 

  • As condições clínicas da paciente
  • Seu uso de remédios
  • As alergias que ela apresenta

 

O profissional também vai te orientar com relação aos procedimentos pré-operatórios.

 

Você deve saber que a Avaliação Pré-Anestésica é um dever do anestesista, regulamentada pela resolução 1802 do Conselho Federal de Medicina (CFM).

 

As clínicas que não oferecem esta avaliação estão infringindo a legislação médica e adotando uma conduta antiética.

 

Por isso, exija o seu direito! É extremamente importante procurar um anestesista para obter as orientações sobre a cirurgia plástica.

 

Avaliação pré-anestésica não é…

 

  • O próprio cirurgião plástico se passando por “orientador da anestesia”, ou seja, realizando uma função para a qual ele não estudou.
  • O médico anestesista passar no quarto do hospital momentos antes da cirurgia, conversar com a paciente e ver os exames.

 

Fuja de clínicas e cirurgiões plásticos que agem desta forma. Essa é uma atitude totalmente antiética quando o assunto é anestesia para cirurgia plástica.

 

Pense bem!

 

Imagine chegar no dia da cirurgia para descobrir que você não poderá realizá-la naquele dia. Toda a ansiedade e expectativas criadas para o grande dia, terem sido em vão…

 

Algo decepcionante que poderia facilmente ser evitado com a APA.

 

Se 5 minutos antes da cirurgia bastassem para fazer esta avaliação, com certeza não haveria uma lei para garantir que você tenha uma avaliação prévia.

 

Mas, infelizmente muitos médicos cirurgiões plásticos atuam de má fé para cortar custos.

 

Fique atenta e exija a sua consulta com o médico anestesista. Ah, se não oferecerem, é um bom indicativo de que você não deve confiar na clínica e/ou cirurgião plástico.

 

Afinal, o que mais ele poderia estar escondendo de você?

 

Anestesia para Cirurgia Plástica

Quais são os tipos de anestesias para cirurgia plástica?

 

Existem quatro tipos de anestesias utilizadas em cirurgias plásticas. Entre elas estão a anestesia peridural com sedação, a geral, a local e a raqui. A escolha de qual será a técnica utilizada depende do tipo de procedimento, da experiência do médico e das condições clínicas de saúde da paciente.

 

Isso porque as pacientes podem ter doenças ou fazerem o uso de medicamentos que podem ter reação com a anestesia.

 

Peridural com sedação

 

A anestesia peridural pode ser usada em qualquer cirurgia do pescoço para baixo e, normalmente, é aplicada com sedativos (medicamentos usados para deprimir o sistema nervoso central).

 

Essa técnica permite que a sensibilidade de determinada região do corpo seja bloqueada, atingindo-se o efeito necessário para uma cirurgia segura e sem dor.

 

É uma anestesia pouco invasiva, com a aplicação sendo realizada entre as vértebras da coluna.

 

Essa técnica é conhecida como a queridinha das cirurgias plásticas. Isso porque…

 

  • Diminui as chances de ter trombose durante e após a cirurgia plástica
  • Tem uma recuperação e alta hospitalar mais rápida
  • O pós-operatório é menos doloroso

 

Cirurgias como a mamoplastia e a lipoaspiração são geralmente realizadas com anestesia peridural com sedação.

 

Geral

 

Esse é um tipo de anestesia mais profunda, na qual a paciente entra em um coma induzido por medicamentos, ficando entubada, com a respiração sendo controlada por aparelhos mecânicos.

 

A anestesia geral oferece mais riscos, possibilitando o aparecimento de trombose venosa profunda e um pós-operatório mais doloroso.

 

É mais invasiva para uma cirurgia plástica, por isso deve ser evitada sempre que possível.

 

Local

 

Como o próprio nome sugere, ele vai agir apenas no local em que será realizada a cirurgia. Por isso o tempo de recuperação é menor.

 

É indicada para procedimentos superficiais e de curta duração, similar a anestesia aplicada pelos dentistas em extrações de dentes.

 

Geralmente é aplicada em cirurgias como a Blefaroplastia, a Otoplastia e a Lipo de Papada.

 

Raqui

 

Essa técnica é muito parecida com a peridural, porém é mais invasiva e tem um tempo de duração menor. Por isso, é menos utilizada em cirurgia plástica.

 

Quando o médico opta por utilizá-la, geralmente ocorre em uma cirurgia intima.

 

Na raqui o medicamento é aplicado entre as vértebras nas costas, agindo em toda a região abaixo do ponto onde foi injetada a medicação.

 

É indicada para cirurgias localizadas na região abdominal e membros inferiores, por exemplo, nas cesarianas.

 

O efeito anestésico dura em média 4h, permitindo maior ação do cirurgião. E o paciente não necessitará de ajuda para respirar (entubação).

 

Qual é a melhor anestesia para cirurgia plástica?

 

A melhor anestesia para cirurgia plástica é aquela que é menos invasiva para o procedimento proposto. A cirurgia plástica não mexe com grandes órgãos, vasos ou estruturas profundas, somente pele e gordura. Logo, aplicar uma anestesia muito invasiva, como a geral, na maioria dos casos, é desnecessário e deve ser evitado.

 

Como você leu aqui hoje, quanto menos invasiva for a anestesia, menores são as chances de ter trombose e um pós-operatório doloroso.

 

Um anestesista focado em cirurgia plástica sabe exatamente qual é a melhor técnica para o seu procedimento. E evita, ao máximo, aplicar o anestésico geral.

 

Sempre considerando o seu estado clínico de saúde, e não somente o tipo de cirurgia plástica.

 

A técnica peridural e a local com sedação são as mais recomendadas

 

Anestesistas experientes costumam utilizar a anestesia peridural ou local com sedação.

 

Porém, médicos generalistas, que cuidam de diversas especialidades, raramente tem experiência com essa técnica e preferem utilizar a geral.

 

Esse é um ponto importante que deve ser questionado na clínica de cirurgia plástica. Se oferecerem a anestesia geral, sem uma excelente justificativa, desconfie.

 

Tudo isso deve ser conversado na consulta prévia com o anestesista. Dessa maneira, a sua anestesia será tranquila e muito mais segura.

 

Porque você vai saber exatamente como tudo vai acontecer e terá a certeza que esse momento está sendo personalizado para você, visando as suas características e necessidades.

 

Na Dream Plastic, temos uma equipe própria de anestesistas, pronta para te auxiliar nesse momento dentro e fora do hospital.

 

Aliás… Você já conhece a Dream Plastic?

 

Conheça a Dream Plastic

 

A Dream Plastic é uma clínica de cirurgia plástica especializada, com mais de 15 anos de experiência em realizar sonhos de beleza.

 

Nossos anestesistas são formados nas melhores universidades do Brasil e tem muita experiência em procedimentos estéticos e reparadores, realizando milhares de cirurgias ao longo do ano.

 

Aqui o seu direito a APA é respeitado, e você conta com o apoio da equipe médica a todo o momento. Tudo para o seu resultado ser bonito, em uma cirurgia segura.

 

Venha conhecer a gente!

 

Agende uma avaliação e conheça a nossa equipe médica, a estrutura da clínica e o orçamento personalizado da sua cirurgia.

 

Tudo de uma forma muito tranquila e sem compromisso!

 

Clique no botão do Whatsapp no topo da tela e marque a sua consulta.

 

Esclareça suas dúvidas!

Gostou do artigo sobre Anestesia para Cirurgia Plástica? Ajude mais pessoas com este conteúdo, clique nos links abaixo e divulgue AGORA!


 
MARQUE SUA CONSULTA POR WHATSAPP




Quer receber informações confiáveis sobre cirurgia plástica?

Faça como milhares de mulheres, cadastre-se agora e receba dicas de médicos especialistas!