Drenagem linfática no pós-operatório: o que é, benefícios, como é feita, preço e tudo o que você precisa saber!

 

Ao fazer uma cirurgia plástica, não vemos a hora de pegar um espelho e olhar os resultados, não é mesmo?

 

Aliás, normalmente, queremos sair do centro cirúrgico com alta total. Isso, sem ter que se preocupar com os cuidados necessários ou fazer a drenagem no pós-operatório.

 

Ficar ansiosa para ver os resultados é normal, só não podemos pensar que vamos sair da sala de cirurgia prontas para colocar o biquíni e curtir uma praia.

 

Em uma cirurgia plástica, a fase de pós-operatório é fundamental para conquistar os resultados tão desejados. E é aí que entra a importância da drenagem linfática.

 

Alguns procedimentos, como a abdominoplastia e a lipoaspiração, necessitam de técnicas complementares para melhorar ao máximo os resultados.

 

Para você ter uma ideia, a qualidade do trabalho da drenagem linfática pode ser responsável por até 30% do resultado na cirurgia de lipo.

 

Ou seja, tão importante quanto escolher um ótimo cirurgião plástico, é selecionar a fisioterapeuta responsável por fazer sua drenagem de pós-operatório em SP.

 

Afinal, a última coisa que desejamos é colocar todo o nosso resultado a perder, fazendo uma má escolha na reta final da cirurgia.

 

Confira:

 

 

Esclareça suas dúvidas!

 

O que é a drenagem linfática?

 

A drenagem linfática comum é um tipo de tratamento estético que serve para contornar o corpo e combater a retenção de líquido. Como resultado, reduz o inchaço e algumas medidas. Para melhorar o seu efeito, a massagem deve ser realizada em conjunto com uma dieta balanceada, a prática de exercícios físicos e o consumo de água ao longo do dia.

 

O que é drenagem linfática de pós-operatório?

 

A drenagem linfática de pós-operatório é uma terapia mecano-moduladora, que serve para diminuir o processo inflamatório causado pelas cirurgias. Logo, ela reduz a dor, a retenção de líquido, acelera os resultados e potencializa o efeito da cirurgia. Ainda, ajuda a desfazer fibrose e irregularidades na pele.

A drenagem de pós-operatório deve ser realizada, obrigatoriamente, nas cirurgias de lipoaspiração e abdominoplastia.

 

Entretanto, é recomendada nas cirurgias de mamas e de face.

 

Qual é a diferença entre a drenagem linfática estética e a de pós-operatório?

 

A grande diferença entre esses dois tratamentos está no objetivo e profissional apto a realizá-las.

 

A drenagem de cunho estético pode ser feita por massoterapeutas e fisioterapeutas, seu objetivo é reduzir o inchaço, a celulite e modelar o corpo de qualquer mulher que queira realizá-la.

 

Enquanto a de pós-operatório deve ser realizada, somente, por um fisioterapeuta dermatofuncional, após a realização de uma cirurgia plástica.

 

Nesta, o objetivo principal é melhorar a circulação sanguínea, acelerando o resultado e aliviando os “efeitos colaterais” da cirurgia plástica.

 

Como o seroma (reação inflamatória que expele um líquido amarelo-avermelhado), fibrose (formação de nódulos na pele) e retenção de líquido.

 

Quais são os benefícios da drenagem linfática no pós-operatório?

 

Entre os benefícios da drenagem linfática estão a redução da dor, do inchaço e das manchas roxas. Assim como o tratamento da fibrose e das irregularidades na pele. E, ainda, realizar as sessões acelera o tempo de pós-operatório e potencializa o resultado de cirurgias plásticas como a lipo e abdominoplastia, deixando o resultado muito mais bonito.

 

Qual é a importância da drenagem linfática no pós-operatório de cirurgia plástica?

 

A drenagem linfática pós-cirúrgica é um dos grandes segredos para ter uma recuperação melhor, mais rápida e ainda potencializar os resultados.

 

Depois de uma plástica, é comum que você retenha uma quantidade de líquido maior do que o seu corpo consegue drenar.

 

O excesso de retenção de líquidos nos tecidos do corpo pode causar um inchaço, conhecido também como edema pós-cirurgia.

 

É uma situação bem comum, mas que precisa ser tratada adequadamente e por profissionais especializados.

 

Outros efeitos comuns são os nódulos formados na pele, manchas roxas e seromas.

 

O tratamento mais indicado é a drenagem linfática.

 

Mas é importante ressaltar que os especialistas defendem a técnica manual, ou terapia mecano-moduladora. Isto porque apenas desta forma é possível respeitar a fisiologia do sistema linfático.

 

A Drenagem linfática é a sua melhor aliada

 

Tenha em mente que a drenagem linfática é a sua melhor aliada. Capaz de dar uma UP no seu resultado, deixando-o mais bonito.

 

As suas dores serão reduzidas e você terá um pós-operaatório mais rápido. Logo, as chances de curtir o seu corpo novo na praia o quanto antes são maiores.

 

Qual profissional pode realizar a drenagem linfática pós-cirúrgica?

 

O profissional habilitado a realizar a sua drenagem pós-cirúrgica é o fisioterapeuta dermatofuncional. Seus estudos incluem uma pós-graduação em dermatofuncional (especialidade que age na prevenção e recuperação da saúde da pele), além da graduação em fisioterapia.

 

Fisioterapeutas especializados sabem fazer as manobras de forma precisa, sem necessitar comprimir os músculos.

 

Isto porque a principal finalidade é mobilizar a corrente de líquidos que está dentro dos vasos linfáticos.

 

Para isso, a fisioterapeuta faz os movimentos de bombeamento e deslizamento, que serão os responsáveis por direcionar os líquidos até os gânglios, onde serão eliminados pela urina.

 

Um profissional sem essa especialidade, não tem o conhecimento necessário para aplicar a técnica em pacientes de pós, podendo prejudicar seu resultado e segurança.

 

Diferentemente do tratamento estético,  é preciso saber exatamente os pontos que devem ser tocados, a forma e a pressão dos movimentos.

 

Riscos da drenagem linfática mal feita

 

Uma drenagem feita de forma incorreta ou por profissionais que não têm a devida qualificação pode ocasionar nódulos, irregularidades e até assimetrias.

 

Além disso, caso os movimentos da drenagem sejam feitos de forma muito intensa, eles podem comprometer a circulação.

 

Com isso a desobstrução dos canais não será alcançada.

 

Sem contar que isso ainda pode ocasionar dor e desconforto ao paciente. Logo, o resultado da cirurgia ficará longe de ser o que vemos nas fotos de antes e depois.

 

Como é feita a drenagem linfática?

 

O tratamento é realizado por meio de pressões na parte do corpo recém-operada e em pontos que seguem o trajeto do sistema linfático. De forma suave, lenta, não contínua e relaxante. Mas, quando há formação de fibrose, a massagem deve ser feita com mais vigor para desfazer os nódulos. E, geralmente, há um leve desconforto nas primeiras sessões.

 

Antes de iniciar as sessões, é necessário fazer uma avaliação de fisioterapia para analisar as características da cirurgia e da paciente.

 

Neste momento, o fisioterapeuta também usa como referência os dados médicos da paciente, como tipo de cirurgia realizada e do tempo de pós-operatório.

 

Alguns aspectos apresentam maior importância, como a análise do desenvolvimento cutâneo e muscular, do edema, da cicatriz, da dor e da sensibilidade.

 

Tempo e número de sessões

 

Cada sessão de Drenagem Linfática Manual dura em média 50 minutos. E, normalmente, são realizadas 10 sessões, sendo 3 vezes por semana. Porém, esse número pode variar, já que tudo vai depender da evolução da paciente e da indicação do cirurgião plástico.

 

Mas uma coisa é certa, quanto maior o número de sessões, melhor será o resultado da sua cirurgia e mais rápido o seu tempo de recuperação.

 

Normalmente, você inicia a drenagem no terceiro dia após a cirurgia, por que é preciso aguardar um tempo mínimo para ver como o organismo irá responder.

 

Este tempo de espera é importante porque no caso de uma possível reação ou infecção ela não é espalhada pelo corpo com os movimentos da drenagem.

 

Para que serve o ultrassom?

 

O aparelho tem ação anti-inflamatória e age para reduzir a formação de edema (inchaço) e de fibrose. Consequentemente, melhora a recuperação e a torna mais rápida.

Para que serve o manthus?

 

O manthus rabalha com terapias combinadas, associando o ultrassom a um gerador de estímulos elétricos e correntes polarizadas estereodinâmicas. Com ele é possível impedir a formação de fibrose, modelar a região operada, proporcionando uma melhor nutrição celular e a absorção de hematomas.

 

Atenção:

 

É importante ressaltar que a indicação dos aparelhos depende da evolução da paciente.

 

Algumas têm o organismo mais duro, apresentam mais fibrose e pode ser necessária uma técnica complementar. Mas isso não faz parte da drenagem linfática que é totalmente manual.

 

Apesar da possibilidade dos aparelhos estarem disponíveis para a paciente, eles serão usados apenas com a indicação médica.

 

Isto porque, o uso sem necessidade pode provocar danos. Por exemplo, no caso do Ultrassom ou Manthus a aplicação indiscriminada causa flacidez.

 

Resultados da drenagem linfática de pós-operatório

 

Se feita da forma correta e com um profissional especialista em dermatofuncional, os resultados da drenagem linfática devem ser, gradativamente, um corpo menos inchado, sem ondulações e manchas roxas. A recuperação é mais rápida e a paciente livra-se do incômodo do seroma.

 

ilustração corpo com e sem retenção de líquido

 

Riscos de não realizar as sessões de drenagem linfática

 

Se você decidiu realizar uma cirurgia para retirar a gordura da barriga ou flacidez, deixar de fazer as sessões de drenagem linfática NÃO é uma opção.

 

Já que o movimento de vai e vem das cânulas são os principais responsáveis por deixar a pele com ondulações.

 

ilustração corpo com fibrose

 

Além disso, a terapia ajuda o corpo a ganhar mais definição e a desinchar. Fatores que são fundamentais para conseguirmos enxergar o resultados das cirurgias de abdômen.

 

Concluindo, não realizá-la gera o risco de danificar o seu resultado, deixando-o cheio de marcas na pele.

 

Já nas cirurgias de mama, como a mamoplastia de aumento, redução e mastopexia, e nas de face, como a blefaroplastia, a drenagem é indicada, porque acelera o pós, mas não é obrigatória, porque não impacta na cirurgia.

 

Além disso, em ambos os casos o cirurgião plástico especialista vai te auxiliar sobre as suas necessidades.

 

Evolução da cirurgia plástica em fotos reais

 

Já pensou em conversar com mulheres que fizeram uma cirurgia plástica e passaram pelas sessões de drenagem linfática?

 

A Dream Plastic criou o ambiente ideal para isso!

 

Uma comunidade fechada com mais de 90 mil mulheres, divulgando resultados e experiências.

 

Para fazer parte basta clicar no banner abaixo, responder as perguntinhas de verificação (essencial para passar pela monitoria de contas fakes) e enviar a sua solicitação.

 

Prepare-se para ver os melhores resultados de plástica!

 

Comece por aqui:

 

Drenagem linfática no pós-operatório

 

Qual é o preço da drenagem linfática?

 

O preço de cada sessão de drenagem linfática de pós-operatório em São Paulo, custa, em média, entre R$325,00 e R$964,15 (Dezembro/2021). O valor varia conforme a experiência do profissional, o local onde serão realizadas as sessões e os aparelhos como manthus e ultrassom que podem estar inclusos.

 

O que é massagem modeladora?

 

A massagem modeladora é uma das técnicas mais usadas no combate à retenção de líquido. O principal objetivo é modelar o corpo, reduzir as medidas, gorduras e inchaços. Para a redução do inchaço, ela deve ser feita com uma dieta balanceada e exercícios físicos, caso contrário, não terá um resultado relevante.

 

Assim como a drenagem estética, ela é bem diferente da utilizada na recuperação, podendo ser realizada por esteticistas e massoterapeutas.

 

Drenagem linfática de pós-operatório na Dream Plastic

 

A Dream Plastic é uma clínica de cirurgia plástica especializada, com mais de 15 anos de experiência.

 

Ao longo desses anos, criamos protocolos exclusivos para oferecer um pós-operatório avançado para nossas pacientes.

 

E, por entendermos a importância da drenagem linfática na recuperação, damos uma atenção especial para esse momento.

 

  • Nossa equipe de fisioterapia é especializada em dermatofuncional, muito experiente e atua exclusivamente com cirurgias plásticas
  • Realizamos uma avaliação minuciosa antes e depois do procedimento
  • Temos à disposição equipamentos que fazem a diferença na massagem, como Manthus e Ultrassom.
  • Nossas fisioterapeutas têm contato direto com a equipe médica, trocando informações e recebendo uma direcionamento personalizado para cada caso

 

Tudo isso é oferecido e explicado ao fechar a cirurgia dos seus sonhos com a gente.

 

Ah, e caso você more longe e prefira não realizar a sua drenagem na Dream Plastic, já que muitas vezes é preciso vir a clínica dia sim e dia não, nós indicamos que você faça pelo menos a primeira.

 

Assim, terá a referência de como é feita a drenagem de pós corretamente e vai poder cobrar e verificar se a sua será feita da mesma maneira.

 

Conheça a Dream Plastic no nosso conteúdo exclusivo!

 

Passe em uma avaliação médica

 

Passar em uma avaliação médica é o primeiro passo para se informar sobre a cirurgia que você deseja.

 

É uma etapa simples e sem compromisso algum.

 

Nesse dia você recebe uma indicação médica, se informa sobre o valor exato e tira dúvidas sobre as sessões de drenagem, pode conhecer as instalações da clínica e muito mais!

 

Venha nos conhecer!

 

Clique no botão do whatsapp no topo da tela e agende uma avaliação.

 

Te esperamos na Dream!

 

Esclareça suas dúvidas!

 

Gostou do artigo sobre Drenagem linfática de pós-operatório? Que tal ajudar mais pessoas com este conteúdo, clique no link e ajude a divulgá-lo.


 
MARQUE SUA CONSULTA POR WHATSAPP




Quer receber informações confiáveis sobre cirurgia plástica?

Faça como milhares de mulheres, cadastre-se agora e receba dicas de médicos especialistas!