Flacidez na Barriga: 7 Dicas Para Acabar Com a Pochete e a Barriga Avental


 

flacidez na barriga
Descubra o que faz surgir à flacidez na barriga e como evita-la.

 

Flacidez na barriga: você sofre desse mal?

 

Todo verão é uma verdadeira tortura pra Francisca Machado. Afinal, pensar em colocar um biquíni e curtir a praia está fora dos seus planos.

 

Mas ela não é a única, muitas mulheres passam pela mesma situação.

 

Isto porque existem duas palavras que podem se transformar em um grande pesadelo: barriga flácida.

 

A Francisca sentiu a mudança em seu corpo principalmente depois da gravidez.

 

Com 36 anos e mãe de duas filhas, ela sempre chamou a atenção por ter um corpo cheio de curvas quando era mais jovem, do tipo invejável.

 

Mas, engordou muito durante a sua segunda gravidez, chegou a ganhar 18 quilos.

 

Depois da gestação, ela ficou desesperada e fez de tudo para emagrecer. O problema é que a flacidez na barriga não queria ir embora.

 

Mas não quer dizer que seja impossível eliminar flacidez na barriga.

 

Continue lendo este texto para descobrir o que a Francisca fez para ficar com a barriga chapada.

 

Agora ela se sente totalmente confiante, feliz e realizada!

 

Neste artigo, você vai conferir as dicas para flacidez na barriga (o que realmente funciona). Vamos mostrar por aqui:

 

 

Esclareça suas dúvidas!

 

Barriga flácida: o que faz surgir esse aspecto tão feio?

 

Barriga flácida
A flacidez na barriga surge devido à perda de elasticidade da pele.

 

Antes de falarmos sobre as causas, você sabe o que é flacidez?

 

A flacidez surge devido à falta de elasticidade do tecido, que enfraquece as fibras de colágeno. Formando aquele aspecto frouxo na pele.

 

O melhor tratamento para flacidez na barriga, com certeza, é adotar medidas para evitar que esse aspecto surja.

 

Por exemplo, os raios solares são responsáveis por acelerar o envelhecimento da pele, comprometendo a elasticidade e a sustentação.

 

Mas, de qualquer forma, existem outras causas para a flacidez na barriga. Separamos as principais para você conhecer. Veja:

 

Envelhecimento da pele

 

É muito comum a perda de elasticidade da pele após os 40 anos. Esse processo ocorre de forma natural e também por meio de influências. Há duas situações em que a flacidez na barriga pode ganhar mais destaque.

 

Em mulheres que são relativamente magras, tem até um corpo bonito, mas a frouxidão na barriga surge para atrapalhar esteticamente.

 

Este é o caso da Francisca, que precisa conviver com questionamentos do tipo: por que você evita ir à praia? Seu corpo é tão bonito!

 

E ela sempre pensa: é bonito porque você nunca viu a minha barriga descoberta.

 

A outra situação acontece em mulheres que passaram dos 40 anos.

 

Nesse período, a produção de colágeno diminui e a pele vai sendo substituída por outro tecido, menos elástico e mais fibroso.

 

O colágeno é responsável por formar fibras que dão sustentação à pele, evitando o aspecto de flacidez na barriga.

 

Quando há uma perda desta proteína, fica difícil para o abdômen continuar com a aparência durinha.

 

E, ainda, existem fatores externos que podem antecipar o envelhecimento da pele, como o sol e o cigarro.

 

Mas calma, há uma solução!

 

Você não pode interferir no avanço da idade.

 

No entanto, certamente pode fazer modificações nos seus hábitos diários ou recorrer a tratamentos estéticos que dão uma solução mais rápida para este problema.

 

E você conseguirá evitar ou eliminar flacidez na barriga.

 

Oscilação de peso

 

Pessoas que sofrem uma grande perda de peso geralmente se deparam com o excesso de flacidez e de pele. É uma das causas mais comuns!

 

Muitos se perguntam: Terei barriga flácida depois de emagrecer?

 

Em algumas pessoas a pele flácida causa tantos problemas quanto os quilos em excesso costumavam causar. Provocando assaduras, infecções e baixa autoestima.

 

Se você passou por uma cirurgia bariátrica, com certeza já tinha em mente que o excesso de pele poderia ocorrer. Não é verdade?

 

Mas ficar com sobra de pele pode ser bem frustrante.

 

Isso acontece porque as fibras elásticas perdem a sua capacidade de retração. Mas como evitar barriga flácida depois de emagrecer?

 

A perda de peso deve ser feita de forma lenta e constante. Desse modo, ajuda a prevenir a flacidez na barriga e em outras partes do corpo. Pois, permite que o tecido tenha mais tempo para recuperar a elasticidade. Mas claro que vai depender da qualidade da pele.

 

Porém, existem outras soluções que podem ajudar, como: exercícios e procedimentos médicos cirúrgicos e não cirúrgicos para enrijecer a pele.

 

Barriga flácida depois da gravidez

 

Se você é mãe com certeza já se perguntou: será que a minha barriga vai voltar ao normal após o parto? Como melhorar a flacidez na barriga após gravidez?

 

Os questionamentos são comuns entre as mulheres. Afinal, os quilos extras e a barriga flácida depois da gravidez são motivos para muitas reclamações.

 

Para o bem do corpo da mulher, os médicos recomendam que durante a gestação as mamães engordem de 9 a 12 quilos. Um desafio e tanto!

 

Essa recomendação serve justamente para não prejudicar o corpo.

 

Pois, ao ganhar peso excessivo, as fibras elásticas se rompem dando origem a indesejada flacidez na barriga pós-parto.

 

A flacidez na barriga depois da gravidez ocorre exatamente porque a pele estava esticada para acompanhar o crescimento do bebê.

 

Após o nascimento, o volume excessivo não existe mais e a pele fica com uma aparência enrugada.

 

Mas todas querem saber: como acabar com a flacidez depois da gravidez?

 

Os cuidados devem vir antes, durante e depois do parto, com alimentação saudável, exercícios físicos, entre outros.

 

Mas isso jamais pode ser feito sem a orientação de um médico ginecologista, nutricionista ou personal trainer, ok?

 

Lembra da Francisca? A fim de combater aquele aspecto de pele solta e de estrias que surgiram com a gravidez, ela consultou alguns especialistas, como dermatologista, e descobriu tratamentos para flacidez na barriga. Alguns para prevenir e outros que garantem um resultado mais assertivo.

 

Vamos falar mais sobre como tratar flacidez na barriga após gravidez. Continue lendo!

 

Os tipos de barrigas que as mulheres têm pavor!

 

 

A vida traz mudanças, inclusive corporais. Às vezes relacionadas à gravidez, hormonais, perda ou ganho de peso… O fato é que tudo isso pode deixar a barriga flácida e caída.

 

Claro que esse aspecto pode gerar um grande desconforto.

 

Você procurará dicas para saber como acabar com a barriga caída e se volta ao normal. Vai adotar roupas mais folgadas para tentar esconder o que te incomoda.

 

Mas, não dá para viver desse jeito para sempre, né?

 

Se você acabou de ter um bebê, com certeza já se perguntou se é normal ter barriga caída pós-parto.

 

Sejam quais forem às perguntas que estão te atormentando, saiba que é possível acabar com a flacidez na barriga.

 

Barriga pochete

 

 

barriga pochete
Um tipo de barriga feminina mais comum é a pochete, com gordura localizada no abdômen.

 

Tem algumas gorduras que insistem em permanecer. Mesmo se você for diariamente à academia e seguir rigorosamente uma dieta radical, ainda assim é difícil eliminá-las.

 

barriga de pochete é uma dessas gorduras localizadas difícil de perder. Quem quer eliminar a pochete sabe como isso pode se tornar extremamente trabalhoso.

 

A famosa pochetinha surge principalmente em pessoas magras. Ou seja, mulheres que apresentam um pequeno grau de pele flácida na região abdominal.

 

Normalmente, estão dentro da faixa de peso ideal, mas existe um pequeno volume na barriga que as impedem de usar blusinhas mais justas.

 

Conquistar uma barriga sarada passa a ser uma missão impossível. Mas há sempre quem deseja saber como acabar com a barriga pochete.

 

O problema para perder a pochete da barriga é que você não conseguirá fazer isso apenas com exercícios físicos.

 

Pois, trata-se de um acúmulo de gordura e de pele flácida, na parte debaixo da barriga.

 

A gordura e pele flácida NÃO são eliminadas com exercícios abdominais, como muitas mulheres pensam. A gordura pode ser eliminada por meio dos exercícios aeróbicos, como correr, pedalar e caminhadas mais longas.

 

Já para tirar a barriga pochete, ou seja, para retirar a flacidez de pele será necessário recorrer a um método muito mais rápido e eficaz: a cirurgia plástica.

 

Para esse caso, o procedimento ideal é a miniabdominoplastia. Isto porque este procedimento vai retirar e corrigir apenas o excesso de pele na região inferior da barriga, entre o umbigo e a área íntima.

 

A grande vantagem desta cirurgia, comparada a tradicional, é proporcionar uma cicatriz menor e uma recuperação mais tranquila.

 

Barriga avental

 

barriga avental
Um tipo de barriga feminina a avental, com bastante pele flácida.

 

Pode ser chocante olhar no espelho e perceber que você tem uma quantidade excessiva de gordura e de pele no seu abdômen, como se fosse um avental.

 

E, então, você se pergunta: barriga avental tem solução?

 

Se esse for o seu caso, a única solução para deixar o abdômen lisinho será recorrer à abdominoplastia.

 

É muito comum surgir à barriga avental pós-parto ou em pessoas que estavam acima do peso e fizeram uma redução do estômago.

 

Após a cirurgia bariátrica os pacientes se veem diante de uma imensidade de pele que sobrou. E isto é normal!

 

Pois, imagine que você está acima do peso, obviamente o seu volume de gordura será maior e a pele vai precisar se esticar para acompanhar o crescimento do corpo.

 

A cirurgia bariátrica reduz o estômago, a fim de diminuir bastante a capacidade de ingestão calorias.

 

E a consequência disso é a perda de grande volume de gordura, deixando uma enorme quantidade de pele.

 

Por isso é difícil indicar métodos para disfarçar barriga avental, uma vez que o volume é muito evidente.

 

Vale ressaltar que, nesse caso, não tem como perder a barriga mole ou eliminar essa pele com exercícios e dietas. É preciso cortá-las.

 

A melhor indicação é o procedimento reparador, conhecido como a cirurgia de abdominoplastia em âncora. Mas, claro que a paciente alcança um efeito estético, porém esse não é o foco da cirurgia.

 

Falando do procedimento cirúrgico, ele é muito parecido com a cirurgia clássica.

 

A diferença é que na abdominoplastia em âncora o cirurgião consegue remover uma grande quantidade de pele. Graças ao corte estendido, parecido com um “T” invertido, que também pode ser vista como uma âncora.

 

Como acabar com a flacidez da barriga em 7 dicas

 

Como acabar com a flacidez da barriga
Conheça as dicas para acabar com a flacidez e evita-las!

 

Todas as dicas para melhorar a aparência do abdômen, que você vai ver por aqui, foram experimentadas e adotadas pela Francisca.

 

Por vezes, ela se sentia feia, sem graça e nem um pouco atraente. Já deixou de sair com o marido, ter momentos íntimos e até abandonou determinadas roupas.

 

Na missão por encontrar o melhor tratamento para flacidez na barriga, ela se deparou com muitas soluções milagrosas. E até acreditou em algumas…

 

Mas percebeu que remédio milagroso não existe! Porque, mesmo seguindo tudo à risca e se esforçando ao máximo, nada conseguia acabar com a flacidez na barriga.

 

Encontrou apenas uma solução que poderia REALMENTE remover toda flacidez abdominal. Quer descobrir qual é?

 

Continue lendo o texto, vamos te apresentar o que não dá certo, o que pode prevenir e o que é mais indicado para casos de excesso de pele.

 

#1 Creme para flacidez na barriga

 

Creme para flacidez na barriga
Conheça os cremes mais indicados para combater a flacidez na barriga.

 

Quando a gente começa a pesquisar sobre como acabar com a flacidez da barriga, uma das primeiras indicações é o uso do creme para flacidez na barriga.

 

E, geralmente, creme para barriga flácida tem o preço extremamente elevado.

 

Além de prometerem muitos benefícios, como: redução de celulite, gorduras e até estrias.

 

Mas existe aquele velho ditado: “quando a esmola é demais o santo desconfia”. Pois é, nesse caso é correto desconfiar.

 

Mesmo o melhor creme para flacidez na barriga somente deve ser usado para prevenir. Ou seja, se você já tem flacidez abdominal, esses produtos não farão efeito.

 

Até porque quando há um alto grau de sobra de pele é impossível um creme conseguir reverter à situação. A única solução é a retirada dessa pele na região.

 

Você deve estar se perguntando: então o creme pode fazer efeito em peles com pouca flacidez?

 

Apesar de vermos inúmeros vídeos mostrando as vantagens de usar esses tipos de cremes, não há nenhuma comprovação científica de que isso funcione.

 

Pelo contrário, alguns especialistas até afirmam que creme para barriga flácida não recupera o dano presente no corpo.

 

Até porque o nível de absorção das substâncias pelo organismo é mínimo.

 

Antes de gastar dinheiro com esses cremes mágicos, consulte um médico dermatologista para adquirir informações verdadeiras.

 

Colágeno para flacidez na barriga

 

Já falamos anteriormente, conforme você envelhece, as fibras elásticas e moléculas de colágeno perdem sua força. Deixando a sua pele menos firme.

 

O colágeno auxilia no combate a flacidez na barriga, por isso você pode adotá-lo como forma de tratamento caseiro. Incluindo em sua dieta alimentos ricos em colágeno, como gelatinas e suplementos naturais.

 

E alguns procedimentos estéticos específicos ajudam a promover a formação de novas fibras de colágeno.

 

Cicatricure para flacidez

 

Hoje em dia cicatricure resolve tudo, estrias, marcas de cicatrizes, rugas, flacidez… Mas será mesmo?

 

A Francisca é a prova de que este produto não foi capaz de devolver a aparência jovem para a sua pele. Bom, pelo menos, não como ela esperava!

 

“Já gastei uma grana em coisas que não resolvem nada.”

 

De acordo com a empresa, a fórmula é composta de aminoácidos que intervêm no processo de formação do colágeno, estimulando a sua produção e trazendo elasticidade para a pele.

 

Sendo assim, o uso de cicatricure para flacidez apenas serve como prevenção e não como tratamento.

 

 

#2 Radiofrequência para flacidez na barriga

 

radiofrequência para flacidez na barriga
Descubra se a radiofrequência para flacidez na barriga realmente funciona!

 

Se você procura desesperadamente saber como fazer para acabar com a barriga flácida, com certeza, já pesquisou algum tratamento estético.

 

Existem diversos, no entanto, fica difícil saber o que realmente funciona. Será que é mesoterapia para flacidez ou o Laser Infravermelho?

 

Não importa o método, todos eles possibilitam uma melhora estética para o corpo.

 

Porém, o mais famoso pelas mulheres é a Radiofrequência para flacidez.

 

Esse tratamento utiliza um aparelho moderno que emite ondas eletromagnéticas na pele. Então, eleva-se a temperatura do tecido, chegando a 40° graus.

 

Isso estimula a circulação sanguínea e a formação de fibras de colágeno, que será responsável por dar firmeza à pele, futuramente.

 

Entretanto, o resultado virá após muitas sessões, além de demorar muito tempo.

 

Quantas sessões de radiofrequência são necessárias para flacidez na barriga?

 

O número indicado de sessões está relacionado com o grau de flacidez presente na pele. Mas, geralmente, são recomendadas cerca de 10 sessões. E ao final serão avaliados os resultados alcançados com a radiofrequência na barriga.

 

radiofrequência para flacidez é uma alternativa para quem não deseja se submeter a uma cirurgia plástica.

 

Mas quando há muita pele flácida o melhor tratamento é a cirurgia de abdominoplastia.

 

#3 Carboxiterapia para flacidez na barriga

 

Carboxiterapia para flacidez na barriga
Descubra se a Carboxiterapia para flacidez na barriga realmente funciona!

 

O que é bom para flacidez na barriga? Algumas pessoas diriam que a Carboxiterapia é uma solução eficaz para o problema do excesso de pele na barriga.

 

Para quem não conhece esse procedimento estético, a Carboxiterapia consiste em aplicações de injeções de gás carbônico sob a pele. As vantagens são:

 

  • Eliminar celulites
  • Gordura localizada
  • Reduzir a flacidez leve no abdômen

 

Somente é possível alcançar esses benefícios.

 

Ao injetar o gás carbônico a circulação será estimulada, assim como a oxigenação dos tecidos.

 

Mas para isso, o procedimento deve ser feito por um dermatologista, fisioterapeuta ou esteticista experiente. Além, de ter que fazer inúmeras sessões para notar algum resultado perceptível e duradouro.

 

#4 Injeção para flacidez na barriga

 

Com certeza você já ouviu falar das enzimas para flacidez na barriga. Essa técnica estética está entre os tratamentos mais procurados do Brasil.

 

Isto porque a aplicação de enzimas ajuda a eliminar peso e a combater casos de flacidez leve em determinadas regiões.

 

A injeção para flacidez na barriga deve ser aplicada de duas maneiras: intramuscular ou subcutânea.

 

Esse tratamento pode ser feito em diversas partes do corpo, como abdômen, glúteo, coxa, costas e braços.

 

Mas o que são as enzimas? São substâncias proteicas que possibilitam reações químicas no metabolismo. Auxiliando na produção de colágeno e de elastina.

 

Em média, são indicadas 10 sessões, mas depende do caso de cada paciente.

 

Atenção! A injeção para flacidez na barriga não surtirá o efeito desejado caso você tenha muita pele flácida na região, ok?

 

#5 Tirar flacidez da barriga com alimentação adequada

 

Tirar flacidez da barriga
Descubra a dieta indicada para reduzir a flacidez na sua barriga!

 

Eliminar barriga flácida depois da gravidez ou depois da perda drástica de peso é possível com uma alimentação balanceada. E, além do mais, adotar uma dieta saudável é fundamental para a saúde, pois previne a obesidade que pode gerar a flacidez.

 

Mas quais são os alimentos indicados para flacidez na barriga?

 

O mais aconselhável é optar por proteínas magras. Esse tipo de proteína auxilia na formação dos músculos e proporciona sensação de saciedade.

 

Além disso, uma dieta para combater a flacidez na barriga deve conter:

 

  • Legumes e verduras
  • Carnes
  • Derivados de leite
  • Alimentos com pouca gordura

 

Lembrando que as dietas devem ser iniciadas somente após o término da amamentação.  Pois, todos os nutrientes serão transferidos para o bebê através do leite materno.

 

Se tiver dúvidas, passe em uma nutricionista.

 

Mas os alimentos podem fazer perder flacidez abdominal rápido? Infelizmente não podem.

 

Apesar de, na maioria das vezes, os alimentos indicados serem bem nutritivos, eles não têm a capacidade de acabar com barriga flácida da noite para o dia.

 

E também não conseguem fazer milagres, caso você esteja com bastante pele sobrando.

 

O que tomar para flacidez na barriga?

 

Para combater a flacidez na barriga indica-se tomar chá verde e comer frutas vermelhas.

 

Pois, são ricos em antioxidantes, substâncias importantes para evitar a flacidez de pele e combater o envelhecimento.

 

Lembre-se que para se livrar da flacidez na barriga é preciso ter paciência e foco.

 

Uma das dicas é alimentar-se bem, praticar exercícios e contar com a ajuda de profissionais que podem ajudar a recuperar a sua autoestima.

 

#6 Exercícios para flacidez na barriga

 

Exercícios para flacidez na barriga
Descubra o exercício ideal para reduzir a flacidez na barriga!

 

Se você já se perguntou como combater a flacidez com exercícios físicos, com certeza está ciente de que os benefícios recebidos não serão apenas estéticos.

 

Cuidado com os quilos extras no abdômen!

 

O excesso de gordura abdominal pode trazer uma série de problemas à saúde, como diabetes do tipo 2, doenças cardiovasculares e hipertensão.

 

Quem está preocupada com a aparência do seu abdômen acaba se deparando, não somente com produtos para flacidez na barriga, mas com uma série de exercícios.

 

Aqueles voltados para o ganho de força muscular são excelentes para trabalhar a região abdominal.

 

É importante fortalecer os músculos presentes na barriga, portanto, o abdominal ajuda na flacidez da barriga.

 

Você pode adotar exercícios para perder pochete e fazer em casa ou na academia.

 

É possível definir barriga Flácida? 

 

A resposta é não! Se há muita flacidez na barriga e pele sobrando, então você não vai conseguir definir barriga flácida com exercícios.

 

Entretanto, assim como na alimentação, as atividades físicas devem ser feitas a longo prazo. E saiba que não há como alcançar um resultado imediato!

 

É preciso dedicar-se muito e praticá-los com frequência.

 

Para quem não tem muito tempo de investir em exercícios para acabar com a pochete, recomendamos que reserve pequenos intervalos em sua rotina.

 

Ou seja, caminhe nas pausas do trabalho ou opte por subir escadas ao invés de subir de elevador. Assista vídeos de treinos no YouTube e faça séries simples em casa.

 

Além disso, vale lembrar, que ter um personal para te auxiliar na realização de atividades evita que os exercícios prejudiquem a sua saúde.

 

#7 Cirurgia de flacidez na barriga é a melhor solução!

 

Cirurgia flacidez barriga
A melhor opção para acabar com a flacidez na barriga é a cirurgia!

 

Você já percebeu que nem todos os produtos são capazes de tratar a pele flácida.

A verdade é que essa tarefa não é fácil!

 

Por isso, quando nada der certo, a opção mais assertiva é o procedimento estético para flacidez na barriga. Também conhecida como abdominoplastia, capaz de remover o excesso de pele.

Isso porque, às vezes, a pele está tão flácida e sobrando que somente uma cirurgia será capaz de deixar o abdômen lisinho.

 

O resultado que a cirurgia para flacidez na barriga proporciona pode ser visto tanto fisicamente quanto no psicológico da paciente.

 

Pois além de retirar o excesso de pele, também ajuda a devolver a autoestima da mulher.

 

Sem contar na felicidade de ver que o contorno corporal existente mesmo depois das gestações.

 

Quer saber mais sobre a abdominoplastia? Confira os slides a seguir:

 

 

Qual o melhor tratamento para estrias e flacidez na barriga?

 

O melhor tratamento para barriga flácida e com estrias é a abdominoplastia. A cirurgia que remove o excesso de pele e as cicatrizes na parte debaixo do umbigo. O resultado fica incrível, pois deixa a barriga linda e chapada.

 

É comum acontecer de a mulher sofrer com estrias e flacidez depois da gravidez. Mas nem todo mundo fica confortável ao notar que o corpo passou por uma grande transformação.

 

Se olhar no espelho gera frustrações, dores e tristezas. Experimentar uma roupa mais colada está fora de cogitação, não é verdade?

 

Por isso a abdominoplastia é sempre muito procurada depois do parto.

 

Mas lembre-se: você precisa esperar pelo menos 6 meses para a realização desse tipo de procedimento.

 

Pois, como o corpo acabou de passar pela gestação, ele precisa se recuperar antes de passar por outra intervenção.

 

Converse com mulheres que passaram por uma abdominoplastia depois da gravidez. Nós temos um grupo de pacientes no Facebook. É um espaço seguro para que você possa contar as suas experiências e conversar com outras pessoas.

 

Clique na imagem abaixo e solicite a sua participação!

 

Flacidez na Barriga

 

Barriga flácida tem jeito? Tem sim!

 

Quando a Francisca soube que o melhor tratamento para flacidez na barriga era a cirurgia plástica, ela confessou que ficou desmotivada.

 

Porque, para ser sincera, essa era a sua última alternativa!

 

Ela tinha medo de procedimentos cirúrgicos, por serem invasivos e ainda ter que passar pelo pós-operatório.

 

Mas à medida que pesquisava sobre a cirurgia na barriga, encontrava histórias incríveis que a motivava!

 

E foi se convencendo de que a cirurgia plástica parecia ser uma boa opção.

 

Porém, como ela ia arcar com o preço do procedimento?

Ao ver a transformação de várias meninas na internet, ela se questionou: se aquelas mulheres conseguiram, eu também posso!

 

Hoje, Francisca afirma: “Foi a melhor decisão da minha vida! Não me arrependo de ter realizado esse sonho. Encontrei uma clínica que me acompanhou durante todas as etapas. Me deixou segura e me trouxe as maiores alegrias.”

 

Como escolher um cirurgião para tirar flacidez da barriga

 

tratamento para flacidez na barriga
Escolha um excelente cirurgião plástico para acabar com a flacidez na sua barriga!

 

Mais do que todas as dicas e informações que apresentamos nesse artigo, você precisa avaliar apenas uma coisa: qual procedimento vai eliminar de uma vez por todas a flacidez na barriga?

 

Se a sua escolha for a cirurgia plástica, então você precisa saber que para o procedimento ser um sucesso, primeiro será necessário escolher um cirurgião experiente e uma clínica de cirurgia plástica responsável.

 

Somente assim você poderá ter um antes e depois da abdominoplastia sem surpresas desagradáveis.

 

Portanto, preste atenção na escolha do profissional que fará o procedimento em você.

 

O cirurgião plástico é o responsável por indicar as melhores técnicas para alcançar o que você tanto deseja: uma barriga lisinha.

 

No entanto, nem todo médico é experiente para realizar tal procedimento. Por isso é importante que você escolha apenas por cirurgiões certificados pela SBCP.

Em seguida, agende uma consulta para ter uma ideia da abordagem do cirurgião. E converse com pacientes que já fizeram a abdominoplastia.

 

Outro ponto importante: na consulta de avalição o médico vai ressaltar que para realizar esse tipo de procedimento, o ideal é que as mulheres já tenham passado por gestações e não planejem novas no futuro.

 

Essa orientação é passada para que a paciente tenha ciência do risco de perda parcial ou total do resultado adquirido com a cirurgia, caso ela volte a engravidar.

 

Você deseja passar em uma consulta com um cirurgião plástico, em São Paulo? Conheça a Dream Plastic, ligue e marque a sua consulta.

 

Gostou do artigo sobre flacidez na barriga?  Que tal ajudar mais pessoas com este conteúdo, clique no link e ajude a divulgá-lo. 

Compartilhe no Facebook

 

Esclareça suas dúvidas!

 

 


 
MARQUE SUA CONSULTA POR WHATSAPP




Quer receber informações confiáveis sobre cirurgia plástica?

Faça como milhares de mulheres, cadastre-se agora e receba dicas de médicos especialistas!