Cinta pós-cirúrgica Abdominoplastia: 12 perguntas e respostas para você usar a malha de compressão corretamente


Cinta pós-cirúrgica Abdominoplastia, cinta modeladora, malha pós-abdominoplastia…

 

Independente do nome, o fato é que esse acessório é fundamental para a sua recuperação e até o seu resultado.

 

E, depois de realizar o sonho da barriga chapada ou sem gordura localizada, não dá para colocar tudo a perder pelo uso incorreto da cinta pós-abdominoplastia, não é mesmo?

 

Pensando na importância da peça e nas inúmeras dúvidas que seu uso gera, nós convidamos um time de cirurgiões plásticos para responder as 12 principais dúvidas sobre a cinta para Abdominoplastia.

 

Você vai descobrir…

 

 

Esclareça suas dúvidas!

 

Chega de dúvidas, confira tudo sobre a cinta cirúrgica de Abdominoplastia neste conteúdo exclusivo!

 

01. Por que usar cinta pós–cirúrgica de Abdominoplastia?

 

A cinta pós-cirúrgica de Abdominoplastia tem como principal objetivo modelar o formato da área operada durante a fase de recuperação do organismo. Ou seja, na Abdominoplastia, cinta compressiva é fundamental para você ter um bom resultado e conquistar a tão sonhada barriga chapada. Por isso, use-a corretamente!

 

Depois da cirurgia de abdômen, a paciente está muito inchada, passando por um processo inflamatório e de cicatrização. A cinta após Abdominoplastia ajuda muito nessa recuperação, ela é capaz de:

 

  • Conter o edema (inchaço)

 

  • Diminuir hematomas

 

  • Reduzir a retenção de líquidos

 

  • Melhorar o contorno corporal

 

  • Ajudar na postura

 

  • Oferecer mais segurança no início do pós-operatório

 

Agora que você já sabe por que usar cinta pós-cirúrgica, é importante lembrar que: esse acessório é diferente da faixa pós-abdominoplastia.

 

Essa faixa, na verdade, é mais usada em cirurgias que não têm objetivo estético, como a cesárea. Ou simplesmente por uma questão ortopédica.

 

No caso do procedimento para remover flacidez abdominal, o indicado é a cinta modeladora de Abdominoplastia.

 

 

02. Pode dormir de cinta?

 

Não só pode dormir de cinta, você deve fazer isso! Especialmente no início do pós-operatório. Aliás, o ideal é usar a cinta pós-cirúrgica de Abdominoplastia o máximo de tempo possível. Tire-a apenas para tomar banho e trocá-la por uma limpa.

 

Mas quando eu posso tirar a cinta para dormir?

 

O tempo certo varia de acordo com a evolução de cada paciente.

 

No geral, após 30 ou 40 dias, você deixa de usá-la na hora de dormir.

 

03. Como saber o tamanho da cinta pós-cirúrgica?

 

Saber o tamanho da cinta pós-cirúrgica antes de operar é um grande desafio. Isso porque não tem como prever o quanto a paciente estará inchada logo depois da cirurgia.

 

Ao comprar a cinta pós-cirurgia de Abdominoplastia, por mais que você prove antes, no pós-operatório ela pode ficar solta ou apertada.

 

Já que não tem como saber o tamanho da cinta pós-cirúrgica exato, o ideal é ter a disposição 2 tamanhos diferentes.

 

Detalhes ao escolher a sua cinta pós-abdominoplastia

 

Ter dois tamanhos de cinta pós-abdominoplastia é tão importante que na Dream Plastic esse cuidado é padrão.

 

Na consulta pré-operatória a paciente prova a malha de pós-abdominoplastia. Com isso é possível ter ideia do tamanho certo.

 

Além da peça que ficou certinha, nossa equipe separa outro tamanho. Você deverá levar as duas no dia da sua internação no hospital.

 

Assim o cirurgião plástico tem a flexibilidade de usar o tamanho mais adequado.

 

Depois, na sua primeira consulta de pós-operatório, você entrega a cinta que não foi usada na embalagem lacrada e retira outra no tamanho certo. Ou seja, você fica com duas cintas.

 

Isso só é possível por que nós temos um estoque amplo, com vários modelos e tamanhos diferentes. Assim conseguimos oferecer essa flexibilidade para ajudar a paciente.

 

Mas a maioria dos consultórios ou clínicas não consegue ter toda essa estrutura.

 

Nesse caso ou a paciente compra as cintas de tamanhos diferentes ou corre risco de adquirir uma cinta após Abdominoplastia que não serve. O que pode gerar problemas no seu resultado, já que, obrigatoriamente, a paciente sai da mesa de cirurgia vestindo a cinta.

 

04. Quanto mais apertada a cinta pós-abdominoplastia melhor?

 

A cinta pós-abdominoplastia NÃO pode estar muito apertada. Ela deve comprimir a região, mas de uma forma que você se sinta confortável.

 

Uma cinta de pós-operatório da Abdominoplastia muito apertada prejudica a sua recuperação, por exemplo, ao:

 

  • Deixar sua pele marcada com vincos das dobras da malha

 

  • Causar dores

 

  • Aumentar a pressão arterial demasiadamente

 

Então, se a cinta modeladora de Abdominoplastia está dificultando a sua respiração ou impede que você se movimente direito, converse com seu médico e troque por um número maior.

 

05. Qual a melhor cinta pós-abdominoplastia?

 

Não existe um modelo melhor de cinta pós-abdominoplastia. Mas há o tipo mais adequado às suas necessidades. Por exemplo, se você fez também Lipoescultura com enxertia de glúteo ou Lipo de culote, o médico deve indicar o macaquinho pós-cirurgia de Abdominoplastia.

 

Além da barriga, esse macacão pós-cirúrgico de Abdominoplastia é capaz de comprimir a região do bumbum e dos culotes.

 

Para você ter uma ideia, há muitos modelos que podem ser usados para uma mesma cirurgia. O tipo pode variar, inclusive, de acordo com a técnica utilizada pelo cirurgião.

 

Por isso, se o seu médico indicar a compra de qualquer tipo de cinta, desconfie! Pois, vai dar para perceber que ele não tem experiência no assunto.

 

Escolhendo a cinta cirúrgica de abdominoplastia…

 

A experiência do médico para avaliar e indicar qual a melhor cinta pós-abdominoplastia para o seu caso faz toda a diferença.

 

Existem diversas marcas de cinta, de qualidades completamente diferentes. Desde aquelas de alta qualidade até as de segunda linha.

 

O cirurgião plástico experiente saberá indicar a marca mais adequada. Já que uma cinta inferior pode causar:

 

  • Algum tipo de reação na pele

 

  • Uma compressão na pele não uniforme

 

  • Compressão irregular devido ao padrão de costura

 

Por exemplo, aqui na Dream Plastic a gente usa o mesmo fornecedor há mais de 10 anos. No começo, a clínica testou várias marcas que provaram não serem adequadas devido à baixa qualidade.

 

Porém, só foi possível perceber esses problemas graças à experiência de milhares de atendimentos.

 

Com isso chegamos a um fornecedor próprio da clínica.

 

Logo, todas as nossas pacientes têm a vantagem de não se preocuparem com a cinta pós-operatório de Abdominoplastia, o preço ou como comprar.

 

Todas essas facilidades, com o máximo de segurança e resultados incríveis!

 

Só para você ter uma ideia, as nossas pacientes conseguem eliminar cerca de 20 cm de circunferência abdominal. Já pensou tudo isso a menos na sua barriga?

 

Só acredita vendo? Então você precisa fazer parte do maior grupo de pacientes do Brasil. Clique na imagem abaixo e entre para o grupo de pacientes da Dream Plastic!

 

Cinta pós-cirúrgica Abdominoplastia

 

06. Como colocar a cinta pós-abdominoplastia?

 

Colocar a cinta pós-abdominoplastia exige cuidado, principalmente no início da recuperação, período que você não deve fazer esforço físico. Por isso, peça ajuda para vesti-la e faça isso deitada.

 

E tenha bastante atenção na hora de retirar. A dica é fazer a troca da cinta para Abdominoplastia sempre deitada.

 

Esse cuidado inicial é fundamental porque na cirurgia a paciente tende a ficar desidratada. E, a cinta ajuda a preservar a pressão sanguínea no organismo desidratado.

 

Se a pessoa está de pé e tira a malha rapidamente, a pressão cai, causando tontura e até desmaios.

 

07. Quanto tempo usar cinta depois da Abdominoplastia?

 

O tempo de usar a cinta depois da Abdominoplastia varia, pois depende da resposta do organismo de cada paciente. Outro fator com forte influência é a extensão da cirurgia, se a mulher tem mais ou menos pele para retirar. Por isso só retire com autorização do seu médico. No geral, você deve usá-la por cerca de 2 meses.

 

Mas quanto tempo usando cinta pós-abdominoplastia eu devo ficar? Se essa é a sua dúvida, saiba que o ideal é ficar o máximo de tempo possível.

 

Conforme mencionamos anteriormente, nos primeiros 30 ou 40 dias você só retira a cinta para tomar banho e trocar por outra peça limpa.

 

Mas é importante reforçar que o período mencionado é apenas uma média. Já que, após Abdominoplastia, quanto tempo devo usar a cinta é uma questão individual. Depende muito da cicatrização e da evolução de cada caso, já que algumas pessoas se recuperam mais rápido que outras.

 

 

08. Uso excessivo da cinta para abdominoplastia é prejudicial?

 

No geral, o uso excessivo da cinta para Abdominoplastia é apenas desnecessário, pois não oferece nenhum ganho para a modelagem do corpo. Ou seja, a cinta não tem a capacidade de modelar o corpo por um prazo indefinido. No início isso ocorre devido ao fato de estar recém-operado e em processo de cicatrização.

 

Se você se sente confortável de usar a cinta cirúrgica de Abdominoplastia por mais tempo, certifique-se que a peça esteja no tamanho certo para não causar problemas à sua saúde, conforme mencionamos no item 4.

 

Mas há um ponto negativo no uso por tempo indeterminado da cinta modeladora de Abdominoplastia. Quando não há indicação médica, ela pode prejudicar o fortalecimento da parede abdominal, já que acaba reduzindo o trabalho cotidiano da musculatura.

  

09. Abdominoplastia Cinta e Placa: quando usar essa combinação?

 

Na Abdominoplastia, cinta e placa, ou almofada, juntas intensificam a pressão na barriga que vai ajudar na cicatrização e reduzir a formação de edemas, hematomas e acúmulo de líquidos. Outra vantagem é de evitar a criação de dobras quando a paciente fica sentada com a cinta pós-cirúrgica Abdominoplastia.

 

10. Como usar cinta pós-abdominoplastia?

 

Quando o assunto é como usar cinta pós-abdominoplastia, é importante ter alguns cuidados. Por exemplo, evitar que a malha crie garrotes na região abdominal quando a paciente está sentada. Essas dobras num tecido inflamado, inchado e em processo de cicatrização, podem gerar consequências irreversíveis. Por exemplo, com a criação de marcas que serão difíceis de remover depois.

 

Ao colocar a cinta pós-abdominoplastia, tenha atenção para não vesti-la ao contrário. Isso evita o incômodo e até marcações na pele causadas pela costura.

 

A malha inicial tem como referência um copo inchado, que aos poucos irá desinchar, deixando a malha folgada. Com isso, acaba perdendo o poder de compressão.

 

Nessa fase é comum a troca da cinta por um número menor ou você aperta a atual na costureira. Ao fazer isso, é importante que a dobra da costura fique do lado de fora.

 

11. Cinta após-abdominoplastia: quantas eu devo ter?

 

O ideal é ter duas cintas cirúrgicas de Abdominoplastia, assim enquanto uma está lavando, você tem a outra para usar.

 

A cinta acaba sujando por conta do seroma que vaza da cicatriz e do dreno. Por isso, é fundamental lavá-la com frequência.

 

Por outro lado, no período inicial, você não deve ficar sem a cinta nem para dormir.

 

Ou seja, ter duas cintas é essencial.

 

H2 12. Abdominoplastia: cinta compressiva apertada na perna pode usar?

 

Evite usar a cinta compressiva apertada em regiões como virilha ou coxa. Algo que pode acontecer com o macaquinho pós-cirurgia de Abdominoplastia.

 

Ao prender essas regiões, a cinta acaba garroteando áreas muito importantes de passagens de vasos sanguíneos. Em alguns casos pode até causar Trombose Venosa Profunda (TVP).

 

Ao experimentá-la, você deve analisar se também está confortável nessas regiões. A mesma atenção deve ser dada para a área da axila.

 

Há casos da malha estar tão apertada, que acaba causando lacerações e machucados.

 

Dependendo da situação, é possível usar uma gaze sob a cinta para proteger a pele ou até soltar os primeiros botões. Isso quando você não fez Mamoplastia.

 

Alças apertadas também podem gerar desconforto, já que elas fazem pressão na região dos ombros, causando uma contratura na musculatura e, consequentemente, cefaleia (dor de cabeça) no pós-operatório.

 

 

12. Abdominoplastia: cinta compressiva apertada na perna pode usar?

 

A melhor forma de ter uma cinta pós-abdominoplastia boa é escolhendo muito bem a clínica e o cirurgião plástico que realizará o seu sonho.

 

Isso porque um profissional qualificado e experiente tem a vivência necessária para indicar a malha de compressão capaz de:

 

  • Tornar a sua recuperação mais tranquila

 

  • Deixar o seu resultado ainda melhor

 

E, quem não quer isso, certo? Aqui na Dream Plastic a gente leva essas questões muito a sério.

 

Evite problemas com a sua cinta modeladora Abdominoplastia

 

Ao comprar cinta pós-cirurgia de Abdominoplastia por conta própria, você corre o risco de chegar na hora da cirurgia e ela ficar muito apertada, larga ou, pior, nem servir.

 

E ainda corre o risco de a peça não ser de qualidade e prejudicar o seu resultado.

 

Aqui na Dream Plastic isso jamais acontece. Isso porque:

 

  • Utilizamos uma marca de cinta pós-cirúrgica de Abdominoplastia supertestada

 

  • Você recebe 2 números para ter certeza que usará a cinta no tamanho certo

 

  • A própria clínica é responsável por separar e levar as malhas para o centro cirúrgico

 

  • O modelo será o que melhor se adéqua às suas necessidades e à técnica do médico

 

Todo o processo é pensando para ser simples e evitar erros.  Nossa maior preocupação é a sua segurança e o seu resultado.

 

Ainda está com dúvidas? Então agende a sua consulta com um dos cirurgiões plásticos mais experientes do Brasil. É possível fazer isso por WhatsApp, basta clicar no link acima!

 

Gostou do artigo sobre cinta pós-cirúrgica Abdominoplastia? Que tal ajudar mais pessoas com este conteúdo, clique no link para divulgá-lo. 

Compartilhe no Facebook

 

Esclareça suas dúvidas!


 
MARQUE SUA CONSULTA POR WHATSAPP




Quer receber informações confiáveis sobre cirurgia plástica?

Faça como milhares de mulheres, cadastre-se agora e receba dicas de médicos especialistas!