Primeiro Passo para Uma Vida Inteira de Novas Conquistas

Diástase na gravidez: o que é, como evitar e formas de tratamento

Atualizado em 05/06/2024 12:00

Diástase na gravidez é uma condição muito comum, que pode ocorrer em até 60% das mulheres, tanto durante a gestação quanto no parto.

Normalmente, os músculos do reto abdominal retornam a sua posição de origem em até 6 meses.

Porém, e se isso não acontecer?

Em alguns casos, os músculos não conseguem se reaproximar naturalmente, e um tratamento é necessário.

Mas, será que há como evitar a diástase na gravidez? O que causa ela?

Vamos descobrir hoje! Nós da Dream Plastic, a clínica mais recomendada pelas mulheres, iremos te contar tudo sobre o assunto. 

Vamos lá.

O que é diástase na gravidez? 

A diástase na gravidez é quando os músculos do reto abdominal são separados, para que o útero tenha espaço para se expandir e acomodar o bebê em crescimento. Depois do parto os músculos devem se reaproximar, quando isso não acontece, gera sintomas como fraqueza muscular e pele flácida ou com irregularidades.

Ilustração que mostra uma barriga normal e uma com diástase, para mostrar o que é diástase na gravidez
Entenda o que acontece

Os músculos do reto abdominal, como podem ser vistos na ilustração acima, são unidos por uma estrutura chamada de linha alba. E é esperado que essa região se recupere sozinha.

Quando isso não acontece, a condição leva o nome de DMRA (diástase dos músculos retos abdominais).

O que causa diástase na gravidez?

Os principais fatores que causam diástase na gravidez são:

  • Tempo curto entre gestações;
  • Gravidez de gêmeos;
  • Obesidade;
  • Idade superior a 35 anos;
  • Bebê com mais de 4kg;
  • Alta produção de líquido amniótico.

Além disso, o sedentarismo durante a gestação e após o parto também influenciam na força muscular de todo o corpo.

Como identificar?

Se você procura por como identificar diástase na gravidez, observe se possui um ou mais dos sintomas abaixo:

  • Bastante flacidez na pele da região abdominal
  • Proeminências ou afundamentos na barriga, principalmente ao redor do umbigo;
  • Fraqueza nos músculos do abdômen e das costas;
  • Incontinência urinária ao realizar algum esforço, como ao espirrar ou tossir;
  • Dor na pelve ou lombar;
  • Dor durante as relações sexuais;
  • Prisão de ventre;
  • Dificuldade para levantar objetos.

Ao sentir esses sintomas, há um teste bem simples que se pode fazer em casa mesmo: coloque dois dedos acima e abaixo do umbigo e faça força como se estivesse fazendo um abdominal. Se ao contrair os músculos, o dedo não se mover, é bem possível que esteja com diástase na gravidez.

Então, a recomendação é que procure por um médico, para que comece o tratamento certo assim que possível. 

Existem formas de prevenção?

Aprenda abaixo como evitar diástase na gravidez:

  • Realizar atividades físicas de baixo impacto e que sejam especificamente focadas na região do abdômen e do assoalho pélvico, como pilates e natação;
  • Manter-se com uma boa postura, para evitar o enfraquecimento dos músculos;
  • Seguir uma alimentação balanceada, com boas fontes de proteína e ingerir bastante água;
  • Ficar dentro da faixa de peso indicada para cada período;
  • Usar cintas ou faixas abdominais caso saiba que tem tendência a diástase na gravidez.

Aqui, é importante falar que alguns exercícios em específico não são recomendados, como as abdominais tradicionais, que utilizam cargas muito pesadas, as pranchas e as em que o tronco rotacione para os lados ou arqueie para trás. 

Quais são as melhores formas de tratamento?

A melhor forma de tratamento vai depender do grau de separação dos músculos. No geral, as recomendações são exercícios físicos específicos para o fortalecimento da região, pilates e a cirurgia abdominal.

A cirurgia de abdominoplastia é indicada para casos em que a diástase não melhora com os exercícios ou o grau de separação é grande.

Ela também é muito escolhida pelas mulheres que procuram por resultados mais rápidos ou aproveitar para melhorar a estética corporal. 

Na abdominoplastia, o médico coloca os músculos na sua posição correta e remove o excesso de pele flácida, entregando um corpo mais funcional, modelado e harmônico.

Para saber ainda mais sobre o tratamento para diástase, é só clicar nesse link!

Priorize sua saúde e autoestima!

Como vimos até aqui, a diástase na gravidez é comum, mas de vez em quando ela requer um tratamento, para que a mulher não sofra de alguns sintomas que ela pode trazer.

A sua saúde, tanto física quanto mental, deve ser sempre uma prioridade, afinal, quando estamos saudáveis, podemos conquistar tudo aquilo que almejamos, não é mesmo?

Então, se você acredita que está com diástase, não deixe para depois. A cirurgia de abdominoplastia é uma solução definitiva e tem o incrível bônus de te deixar com a barriga chapada. 

Olha esse antes e depois de uma paciente da clínica Dream Plastic:

Antes e depois da abdominoplastia de paciente da Dream Plastic para corrigir a diástase na gravidez
Antes e depois da abdominoplastia da paciente da Dream Raquel f.
Nota: imagens de antes e depois não podem ser usadas como promessas de resultado, pois cada corpo é único, levando a resultados diferentes.

É importante falar que não é qualquer cirurgia que entrega um antes e depois como esse. Para isso, você precisa de uma clínica que entregue RESULTADO e SEGURANÇA.

Como? Através de alguns fatores, como a clínica e o médico cirurgião serem especialistas em Cirurgia Plástica, com muita experiência e resultados comprovados, operações feitas apenas em hospitais e oferecer uma estrutura completa e avançada de pós-operatório. 

Aqui na Dream Plastic, pensando em oferecer o melhor tratamento para as nossas pacientes, nós cumprimos com tudo isso e muito mais!

Aí você pensa: “Nossa, mas então deve ser muito caro, né?”

E a resposta é não! Nossos valores são acessíveis e temos formas de pagamento facilitadas, como até 18x no cartão de crédito e 15% de entrada mais até 24x no boleto para cirurgias programadas. 

Não deixe para depois, dê o primeiro passo para saber se está com diástase na gravidez e como tratar. Clique no botão do WhatsApp e marque um horário com um de nossos especialistas, é rápido e sem compromisso.

Estaremos te esperando!